Ana Mula

VIA

Performance  |  6 julho 2024  |  21:30 - 22:00  |  CRL - Central Elétrica  |  Doação recomendada de 5€

Sinopse

VIA é uma performance de 30 minutos de duração realizada em espaço não convencional exterior. Com dois intérpretes em cena propõe um cruzamento disciplinar entre dança, teatro, banda sonora original e um desenho de luz cenográfico. O espetáculo pretende apresentar a degradação até à destruição de um veículo gerando um paralelismo com preocupações de sustentabilidade, onde a “constante aceleração desenfreada” poderá levar-nos ao colapso antropocêntrico.

Arrancamos.
Consumidos pela apatia,
sumimos estrada dentro.

Neste estado,
expostos aos mil e um estímulos
da cidade acesa,
continuamos a conduzir entregues à inércia
e intensificamos a marcha.

Aceleramos.
Fugindo do barulho das ambulâncias
e dos vidros a serem partidos,
às voltas, sempre a circular
sem abrandar,
perdemo-nos no nosso próprio rasto.

Continuamos.
Digeridos pela astenia,
sumimos estrada fora.
Todos os alarmes foram disparados:
abastecimento, atenção máxima, temperatura, airbag.

Perdemos o controlo e no instante decisivo,
senti o pedal a fundo
sem perceber se era o travão ou o acelerador.

Estabilizamos.
A rádio sempre a dar,
os 4 piscas a piscar,
o cheiro da borracha cinza
a queimar a vermelho o mato verde (…)


Biografia

Ana Mula é Criadora, Diretora Artística e Intérprete. Mestre em Artes Cénicas pela ESMAE. Criou PERCAMINHO (20º Bienal de Cerveira), Autólise (Festival SET; Guimarães Noc Noc e Filhos do T), FONDO (Armazém 22 x KALE-Companhia) e C_M_8 (residência artística no Centro Negra_AADK Spain, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian e o Teatro Municipal do Porto) e Água ao Mar ou Como Esquecer uma Cidade com Herlandson Duarte (URGE Glookall Fest-Festival de Inéditos, em co-produção com a Varazim Teatro).

Ficha Artística e Créditos

Concepção e direção artística: Ana Mula
Coreografia e interpretação: Marianna Diroma e João Carlos Pereira (Joka)
Banda sonora original: Rodrigo Ferreira
Direção técnica e desenho de luz: Octávio Gómez
Apoio à escrita: Catarina Estácio
Voz em off: Sara Vicente
Produção executiva: Nuno Afonso e Gonçalo Távares
Apoio à investigação e a produção: Visões Úteis - Programa de Associação de Artistas; Apoio à Criação Artística da Fundação Calouste Gulbenkian; Projeto criado no âmbito do programa Antecipar o Futuro, uma iniciativa do Teatro  Nacional Dona Maria II, com o apoio da NTT Data em parceria com o Espaço do Tempo; Programa Orbita, Festival Súbito (Vila Nova de Gaia, Portugal); Programa MICROACCIONA, CC La Estación y Audiório de Beniaján

Acessibilidade

Recomendado para +6 anos
Possui legendagem em Português e Inglês

Links

Website  |  Instagram

© João Versos Roldão


Excerto de vídeo gentilmente cedido pelo Teatro Nacional D. Maria II